Notícias

Voto de Pesar pela morte de Mário Soares

Fundador e Secretário-Geral do Partido Socialista, Primeiro-Ministro e Presidente da República de Portugal, Mário Soares foi o principal construtor da Democracia Portuguesa, aquele que mais a configurou, e um dos portugueses mais reconhecidos e prestigiados no Mundo.

A dimensão, nacional e internacional, assim como a importância política de Mário Soares ficaram demonstradas na forma como foi recebida a notícia da sua morte, no passado dia 7 de Janeiro, e também no modo como o povo português e os líderes políticos da Europa e do Mundo se associaram às suas exéquias fúnebres.

A Mário Soares devemos um país livre e democrático.

A ele devemos os fundamentos do nosso Estado Social de Direito.

A ele devemos a nossa entrada para a Comunidade Europeia.

A ele devemos o contributo fundamental na modernização da nossa sociedade.

A ele devemos um PS moderno, autónomo, afirmativo. Um PS aberto, fraterno, tolerante.

Mário Soares era um político na nobre aceção da palavra.

Essa era a sua vocação. A sua causa, a Liberdade.

Moderno, antecipou e entendeu os sinais do tempo, num diálogo com as gerações futuras, construindo pontes, ousando o inimaginável que nos devolveu o prestígio internacional e o orgulho de sermos portugueses.

Socialista, republicano e laico e, sobretudo, patriota, leal, solidário e tolerante.

A sua personalidade foi determinante na reconciliação nacional após o período conturbado da Revolução de Abril.

O Portugal aberto ao mundo, europeu e socialmente coeso é o país de Mário Soares.

Como Mário Soares sempre afirmou: ”Só é derrotado quem desiste de lutar”, por isso fazemos deste voto de pesar um compromisso de honrar a sua memória e de nunca desistir de lutar.

Soares é, para todos os socialistas, referência histórica, exemplo político, memória afetiva, inspiração permanente. No momento da sua morte, prestamos-lhe um emocionado tributo de reconhecimento e de gratidão.

Reunida na sua sede, no dia 12 de Janeiro de 2017, em reunião extraordinária expressa e unicamente convocada para o efeito, a Comissão Política do PS/FAUL apresenta sentidas condolências a toda a Família de Mário Soares, em especial aos filhos, os nossos camaradas Isabel e João, que foi Presidente da nossa Federação e da Câmara Municipal de Lisboa. O PS/FAUL associa-se, sentidamente e com muita tristeza, ao luto de Portugal e do Partido Socialista, reafirmando a sua fidelidade à mensagem política de Mário Soares.

Está em... Entrada Notícias Voto de Pesar pela morte de Mário Soares